Blog

Tudo o que você queria saber sobre as comitivas femininas

Mundo Country
22.03.2016

Basta ir a um evento country, procurar por mulheres uniformizadas e que levam o estilo country à risca que você estará diante dos mais famosos grupos do momento: as comitivas femininas. A ideia é reunir pessoas por meio de um gosto em comum: o mundo country. Além de curtirem as festas e estarem ligados em várias competições de esporte country, esses grupos também esbanjam beleza e uma sintonia de amizade e companheirismo.

As comitivas chamam a atenção do público nos eventos country e também são fortes disseminadoras da cultura sertaneja. Além da diversão, muitos grupos são envolvidos em ações sociais, como arrecadação de alimentos para entidades carentes. Ou seja, uma comitiva é mais do que uma reunião de pessoas em torno de um gosto em comum, mas a propagação da irmandade e caridade.

Renata Ribeiro, diretora da Comitiva Damas do Velho Oesteafirma que a ideia da criação do grupo foi feita junto com sua prima. Elas perceberam que existiam muitas mulheres frequentadoras das mesmas cavalgadas e eventos country. Decidiram se reunir. No início, o grupo tinha 15 participantes; hoje, 28. A comitiva também utiliza uniformes: camisão, chapéu aba larga, calça jeans country, cinturão e bota tradicional. Além da identificação, ela afirma que com essas vestimentas o grupo fica esteticamente mais bonito. A reunião desse grupo acontece nas cavalgadas, rodeios e festas em geral. Renata ressalta que essa reunião é muito importante, pois é a maneira que utilizam para disseminar a cultura sertaneja, além de se considerarem como família.

comitiva

Foto: Comitiva Bruta Flor

Já Rayana Santos, presidente e fundadora da Comitiva Bruta Florconta que o surgimento se deu pela necessidade de ter na região de Vazante-MG um grupo focado ao lado solidário e festivo. Elas já realizaram vários eventos beneficentes como o Circuito de Bruta Flor que beneficiou a APAE da região e também uma  palestra com a colunista e parceira da comitiva, Sarah Pardini, beneficiando a Casa de Apoio ao Câncer da cidade de Vazante-MG, com sede em Barretos. Ela ainda afirma que o grupo sempre dissemina a ideia de apoio ao próximo para incentivar as outras comitivas a compartilharem desses gestos e deixarem de ser apenas grupos de entretenimento. Com o passar dos anos, a comitiva agregou mais mulheres e atualmente são 34 integrantes. O processo de seleção é feito por indicação, além de ser apoiado por todas as mulheres da comitiva, mantendo sempre o companheirismo e união.

Outras comitivas femininas:

comitiva sertaneja1def

Comitiva Sertaneja. (Goiânia/Abadia de Goiás-GO). IG: @comitivasertaneja_

 

comitivaelasnopoder1

Comitiva Elas no Poder (Itapaci – GO). IG: @comitivaelasnopoder

 

comitivabrutastraiadas1

Comitiva Brutas Traiadas. IG: @comitivabrutastraiadas

 

comitivadelicadas

Comitiva Delicadas. IG: @comitivadelicadas

 

Como criar a sua comitiva:

Ao conhecer a história de outras comitivas, você pode estar interessado em criar a sua. Existem alguns passos a serem dados. Além de reunir os amigos e organizar um grupo é necessário alguns procedimentos mais consolidados:

  1. Obtenha um número de no mínimo 9 pessoas: quanto maior o número, melhor. Assim, o grupo pode fazer ações solidárias ou representativas mais seguras e firmes.
  2. Sobrevivência da amizade e união: dois fatores muito importantes para a sobrevivência do grupo. A amizade torna tudo suportável e é o alicerce para que haja união.
  3. Escolha do nome: é necessário um nome e a uniformização das integrantes para haver identificação do grupo. Investir em camisas personalizadas é comum entre as comitivas, assim todos podem desfilar por eventos country e serem reconhecidos.
  4. Escolha a Diretoria: é necessário impor alguns poderes a integrantes do grupo. Assim, é possível ter regras estabelecidas e o grupo tenderá a seguir um objetivo em comum, sem desvio de metas.

Com essas dicas você já pode reunir os amigos, formar sua Comitiva, como uma grande família e se divertir nos eventos country. Não se esqueça de fazer a parte social, ou seja, realizar ações que possam atender e solucionar alguns problemas das suas comunidades.

Conhece alguma comitiva feminina que não foi citada? Deixe o nome nos comentários 😉

Foto destaque: Comitiva Damas do Velho Oeste

 

compartilhe o post

Comente Pelo Facebook